Martinica, a feiticeira

Na Martinica, existe o céu, o sol e o mar... E muitas outras coisas. Ilha cartão-postal, a Martinica se revela repleta de tesouros ocultos...

Na ilha, os lugares mais conhecidos, aqueles que propiciam o maior deleite dos turistas, estão localizados principalmente no sul. Mas vale a pena seguir também em direção ao norte, até a baía de François. Ali são encontrados os “fonds blancs” (fundos brancos), como são chamados na região. Após descer do barco com a água na cintura, um daiquiri batido na hora cairá muito bem. Segundo a lenda, trata-se da “banheira de Josefina" em homenagem a Joséphine de Beauharnais, filha da terra, nascida Taschers de La Pagerie e futura imperatriz dos franceses - embora nunca tenha sido provado que ela se banhou um dia nesse local... Mas isso pouco importa, pois, aqui, todos apreciam uma bela história.

E podemos conhecer muitas outras ao longo dos passeios. Às vezes, basta parar em algum povoado para conversar ao bel-prazer dos encontros. Siga as estradas sinuosas e estreitas que levam ao descobrimento de magníficas paisagens. Atravesse uma exuberante floresta tropical, admire os campos de cana-de-açúcar cujos pés se inclinam suavemente à brisa dos alísios, visite uma das últimas grandes mansões da região, herança dos tempos de outrora.

Alguns monumentos antigos de admirável arquitetura serão encontrados nas ruas estreitas de Fort-de-France: a biblioteca Schœlcher, com sua fachada colorida, a catedral de São Luís, a antiga Câmara Municipal. Não deixe de visitar o Mercado Coberto e seu colorido sortimento de mangas, carambolas e frutas-do-conde. Para quem gosta de aventuras, a escalada do monte Pelée, que domina a cidade de Saint-Pierre do alto de seus 1 397 metros, é um excelente programa. Embora o vulcão esteja agora inativo, todos relembram de sua erupção, dia 8 de maio de 1902, que destruiu a tal ponto a cidade que ela chegou a ser excluída dos mapas do município. Entretanto, foi reconstruída e hoje está bem viva.

Na Martinica, o simpático sorriso dos nativos está presente no dia a dia. Aqui, não há espaço para nostalgias, embora os textos de Aimé Césaire, Édouard Glissant e Patrick Chamoiseau, os mais famosos escritores da terra, estão muitas vezes impregnados de certa melancolia devido a um passado colonial que deixou marcas. À sombra de uma mangueira ou num terraço do hotel, bebericando uma dose de rum envelhecido, você gostará de lê-los.

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
tradicional

The Yellow, amarelíssimo

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
charme chique

Suite Villa, charme e quartos com doces nomes

Show de imagens

Nosso álbum de fotografias de Fort-de-france e região

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
bem-estar e esporte

Salines, uma praia de cartão-postal

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
insÓlito

Passeio em Saint-Pierre: lembranças da erupção vulcânica

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
explorar

Passeio em Fort-de-France: ao bel-prazer da caminhada

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
atividades

Os mercados de Fort-de-France

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
caminhada

O monte Vauclin

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
insÓlito esporte

Navios naufragados de Saint-Pierre: um mergulho na história

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
restaurante À beira-mar

Le Lili's Beach Bar, na praia

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
restaurante À beira-mar

Le Kano, um transatlântico frente ao mar

Clique aqui para adicionar o artigo ao seu diário de viagem pessoal ou para anular a sua seleção.
parque

Le Jardin de Balata, o paraíso das flores multicoloridas

Esses destinos
podem interessá-lo

Partindo de :